Quais Cartões de Crédito Oferecem Seguro Viagem?

Alguns cartões de crédito oferecem planos de seguro viagem, mas é preciso atender a alguns requisitos.

Como regra geral, os cartões de crédito oferecem seguro viagem através de suas parceiras – as instituições bancárias. As bandeiras Visa, Mastercard e Elo disponibilizam o serviço nas agências bancárias (quase todos os bancos oferecem cartões com as três bandeiras mais aceitas no país).

Em muitos casos, porém, a contratação do seguro viagem está vinculada à compra das passagens aéreas ou pacotes turísticos com o mesmo cartão de crédito. Apenas o titular do cartão, cônjuge e dependentes podem ser beneficiados com o plano.

Outro problema do seguro viagem vinculado a cartões de crédito é que a maioria dos contratos é celebrada na modalidade “reembolso”, o que significa que, em caso de emergência (acidente, perda de bagagem, etc.), o viajante precisa pagar as despesas, para posteriormente ser ressarcido.

seguro viagem cartões

O que é Seguro Viagem Internacional?

O seguro viagem internacional funciona como qualquer apólice de seguro: a partir de um pagamento único e parcelado, o contratante fica protegido contra algumas surpresas ruins que podem acontecer em qualquer viagem, seja a negócios, seja por lazer.

Um seguro ideal oferece cobertura contra morte ou invalidez, assistência médica e odontológica internacional, proteção contra perdas ou extravios de bagagem e atendimento telefônico 24 horas em português, de qualquer cidade prevista no roteiro do contrato.

cartões seguro viagem

Quanto custa um seguro viagem internacional?

O custo médio de um seguro viagem é de R$ 170 (individual, para estadas de sete dias). A cobertura para perda ou atraso de bagagem prevê o custeio das compras de artigos de higiene pessoal (normalmente, a partir de 12 horas do atraso). Em caso de perda ou roubo, o ressarcimento é calculado exclusivamente pelo peso das malas. O reembolso é feito nos cartões de crédito.

+ Leia: Quanto Custa um Seguro Viagem Internacional?

Algumas apólices preveem a concessão de créditos em caso de atrasos ou cancelamentos de voos ou percursos rodoviários e ferroviários (a partir de 12 horas, nos casos de atrasos). O reembolso é destinado a refeições e estadia no período em que o turista ficou impedido de seguir viagem.

Quem contrata seguros viagem internacional através de cartões de crédito têm a vantagem de receber um adiantamento de fundos, no caso de perda ou roubo dos cartões, até que estes sejam recuperados ou substituídos. O valor do adiantamento é previsto na apólice do seguro e pode não ser equivalente ao limite do cartão.

+ Confira:

Os países europeus signatários do Tratado de Schengen exigem a contratação de um seguro viagem internacional para permitir a entrada de turistas em seu território (não há barreiras alfandegárias entre as nações participantes deste acordo).

Na América, nenhum país exige a apólice, com exceção de Cuba. Não é necessário obter um seguro viagem para viajar pelos EUA, mas é muito importante contratá-lo, especialmente para evitar a necessidade de ter de custear despesas com médicos e dentistas, elevadas demais para os padrões brasileiros.